27

JAN

Novo Mini John Cooper Works Countryman chega com maior versatilidade e potência

A segunda geração do Mini Countryman é a maior e mais versátil em toda a gama de produtos da marca britânica. E isso também se aplica à unidade de potência do Mini John Cooper Works Countryman. Com 231 cv, é o motor mais potente que já foi montado em um Mini: combinado com o sistema de tração integral, o novo Mini John Cooper Works Countryman garante que a mais recente adição à família John Cooper Works leva a experiência Mini para um nível totalmente novo – tanto em uma pista, quanto na estrada com condução prazerosa sobre terrenos irregulares.

O novo Mini John Cooper Works Countryman alcança 0 a 100 km/h em 6,5 segundos. O novo modelo é 0,8 segundos mais rápido do que o Mini Cooper S Countryman ALL4. O excelente desempenho também se reflete em sua arrancada, agilidade em curva e frenagem. Essas qualidades são parte de um produto de um pacote global que foi compilado com base na excelência do John Cooper Works, incluindo não só o motor e o sistema de tração integral, mas também uma suspensão esportiva com rodas de liga leve de 18 polegadas John Cooper Works e sistema de freio Brembo, com características especiais da carroceria para aperfeiçoar as propriedades aerodinâmicas e gerenciamento de refrigeração a ar, com um cockpit personalizado com assentos esportivos John Cooper Works.

Ele é o sucessor do primeiro modelo de alto nível projetado para o segmento compacto equipado com o sistema de tração integral. O avanço do novo carro em relação ao seu antecessor se reflete não apenas em uma arrancada que foi aumentada em 13 cv e no projeto de eficiência do sistema ALL4, mas também em dimensões externas ampliadas com um aumento de espaço, versatilidade e funcionalidade. Com um acréscimo de 17 centímetros de comprimento e três centímetros de largura, juntamente com uma distância entre eixos ampliada em 7,5 centímetros, a disponibilidade de espaço nos cinco assentos foi significativamente aperfeiçoada.

O compartimento de bagagem foi ampliado para 450 litros e 1.390 litros com bancos rebatidos. Isso o torna um modelo esportivo com todas as qualidades para fornecer uma condução extremamente prazerosa e versatilidade excepcional, ou seja, na pista de corrida, fora de rodovias asfaltadas, em tráfego intenso ou distâncias mais longas.