21

NOV

Mitsubishi Motors leva modelos de competição para Salão do Automóvel

A Mitsubishi Ralliart Brasil marca presença no Salão do Automóvel de São Paulo 2016 com dois carros de competição exibidos no estande da marca dos três diamantes. Mais do que apresentar os modelos ao público, a divisão de alto desempenho da Mitsubishi mostra sua história vitoriosa em competições ao redor do mundo, inclusive no Brasil.

“Temos dois modelos no Salão do Automóvel: a L200 Triton Sport SR e o ASX RC. De várias formas, esses modelos representam toda tradição que a Mitsubishi Motors tem em competições, seja no asfalto ou na terra”, comenta Guilherme Spinelli, diretor da Ralliart Basil, divisão de alta performance da Mitsubishi Motors.

L200 Triton Sport SR
A L200 Triton Sport SR faz parte da nova linhagem de picapes de competição desenvolvida e preparada pela Ralliart Brasil. Ela carrega o DNA vencedor da L200, a maior campeã do Rally dos Sertões, a competição mais desafiadora do off-road nacional e uma das mais longas do mundo, com oito títulos em várias categorias.

Debaixo do capô, a picape leva um poderoso motor de 385 cavalos de potência e 56kgf.m de torque. A suspensão independente nas quatro rodas, assim como os pneus 235/85 R16, é preparada para superar qualquer obstáculo em provas de rali.

“A nova L200 Triton SR que está no Salão do Automóvel é um protótipo pronto para encarar qualquer prova off-road no Brasil. Ao longo de sua história, ela se mostrou um carro confiável e com desempenho acima da média, tanto que é tricampeã na classificação geral do Rally dos Sertões”, completa Spinelli.

ASX RC
A Ralliart Brasil também leva ao Salão do Automóvel um carro conceito criado para reunir o melhor do desempenho das pistas com o das provas off-road: o ASX RC.

“Buscamos desenvolver um protótipo que aliasse desempenho e dirigibilidade ímpares. Por isso, escolhemos o ASX como base para criarmos esse conceito. O crossover já mostrou nas provas da Mitsubishi Cup que consegue reunir essas duas características na terra como poucos carros de competição”, explica Spinelli.