25

AGO

Mercedes suspende demissão de trabalhadores

A Mercedes-Benz anunciou a suspensão da demissão de 2.000 funcionários da fábrica de São Bernardo do Campo, já que há alguns meses a empresa vem concedendo licença remunerada para os trabalhadores, ao todo 10 mil funcionários tiveram licença remunerada, e a fábrica diante dessa situação, esteve parada.

A decisão ocorreu após muitas negociações com o Sindicato dos Metalúrgicos, com a empresa concordando em abrir um programa de demissão voluntária, que deverá possuir duração até o dia 31 agosto. A empresa afirmou que através desse acordo firmado, os funcionários que aderirem a demissão, receberão ao todo R$ 100 mil, independente do tempo de serviço prestado.

Segundo a empresa, atual no setor dos metalúrgicos há muitas pessoas com 12 anos de casa, e a meta é que ao todo 1.400 pessoas se desliguem da Mercedes, no entanto, até o momento, isso é uma meta da empresa para não poder realizar maiores demissões.

Reportagem: Ulisses Carvalho