Campeão de vendas, Onix 2017 inova com versão LTZ


O Onix vem acumulando a responsabilidade na liderança de vendas a dois anos consecutivos, e até este mês, foram emplacadas 68 mil placas, em três versões de acabamento LS, LT e LTZ.

Na versão LTZ, o carro possui faróis de led, além de você consultar informações, coordenadas via GPS, o carro está 32 kg mais leve, e ganhou a direção elétrica no lugar da hidráulica, além de um capô mais longo e um consumo de combustível reduzido em 18%.

O modelo LTZ atinge uma velocidade de até 180 km, e segundo testes, pode acelerar até 100 km em apenas 10 segundos. Seu preço deve variar entre R$ 54 mil a R$ 59.700.

Reportagem: Ulisses Carvalho

Mitsubishi Lancer 2017 aparece na China


O Mitsubishi Lancer ganha uma nova geração na China, desenvolvida localmente pela empresa Soueast, que é a sócia da montadora japonesa no país. O modelo tem uma carroceria diferente da versão anterior, destacando-se frente longa e cabine pequena, além de porta-malas curto.

O conjunto ótico segue o padrão global de estilo da Mitsubishi, tendo grade e frisos cromados no para-choque, que envolvem os faróis de neblina. O desenho geral formato de ”X”. Nas laterais, vincos bem pronunciados remetem à esportividade, enquanto a traseira tem lanternas em formato de “C” e divididas pela tampa do porta-malas.

Ainda não se sabe qual motorização será introduzida neste Lancer chinês, que provavelmente deve ser vendido apenas dentro do país. A Mitsubishi ainda precisa definir sobre o futuro do modelo global, que agora tem mais chances de utilizar uma plataforma da Renault-Nissan.

Segunda geração do Juke estreia em 2017


O mercado europeu vai receber no primeiro semestre de 2017 o novo Nissan Juke. A segunda geração do crossover compacto contará com uma série de melhorias em relação ao modelo atual, o que inclui novas tecnologias.

O novo vai manter boa parte das características visuais da geração atual, mas com linhas mais convencionais e seguindo a linha de outros modelos da fabricante. A dianteira, por exemplo, será inspirada no Qashqai, ao passo que a traseira vai manter o formato pronunciado da primeira geração.
O interior do novo Nissan também terá uma série de alterações, com direito a materiais de acabamento mais refinados e um sistema de entretenimento com suporte a Apple CarPlay e Android Auto.

O modelo será construído a partir da nova plataforma modular CMF (Common Module Family) do grupo Renault-Nissan. Com isso, o crossover deverá ser mais leve e maior, com aumento no espaço para as pernas dos ocupantes de trás, além de ser mais barato para ser produzido.

A nova base vai permitir ainda a adoção de uma nova linha de motores, o que inclui um 1.0 litro turbo de três cilindros a gasolina, 1.6 litro turbo de quatro cilindros a gasolina com até 190 cavalos de potência e um 1.5 litro turbodiesel. A gama pode dispor ainda de uma versão híbrida.

XF-L ganha motores 2.0 Turbo com 200 ou 240 cv na China


A nova geração do Jaguar XF agora dispõe de uma versão longa no mercado chinês, onde é chamado de XF-L. Após ser visto no Salão de Pequim, o modelo teve seus detalhes oficialmente revelados.

Com 5,09 m de comprimento, 2,09 de largura (com retrovisores), 1,45 de altura e 3,10 de entre eixos, o Jaguar XF-L terá dois motores 2.0 Turbo, sendo que o de acesso entrega 200 cv e 32,5 kgfm, enquanto o outro dispõe de 240 cv e 34,5 kgfm.

A dupla de 2.0 ainda é completada pelo V6 3.0 Supercharged com 340 cv e 45,7 kgfm. Em todos os casos, a transmissão é automática de oito marchas com tração traseira.

A produção do Jaguar XF-L se dará em Changshu, onde a joint-venture Chery-Jaguar Land Rover possui uma fábrica nova. As vendas começarão em setembro, mas apenas no mercado chinês.

Genesis G80 chega aos Estados Unidos com motores V6 e V8


O Genesis G80, sedã de luxo da divisão premium da Hyundai, chega ao mercado americano com motor V6 3.8 de 311 cv e 40,4 kgfm, além de um V8 5.0 com 420 cv e 52,8 kgfm.

Com transmissão automática de oito velocidades, o Genesis G80 tem tração traseira, mas a opção AWD é ofertada apenas na versão V6 3.8, já que o motor V8 5.0 é igualmente um opcional.
O modelo tem faróis bi-xênon adaptativos com LEDs diurnos, lanternas em LED, rodas de liga leve aro 18 ou 19 polegadas, bancos em couro com ajustes elétricos na frente, HUD, teto solar panorâmico e bancos ventilados na frente.

A multimídia tem tela de 8 polegadas com navegador, Android Auto e Car Play. O acabamento tem revestimentos em madeira e alumínio, enquanto o sistema de som é da Lexicon com 17 alto-falantes. Frenagem automática de emergência, alerta de colisão e faixa e piloto automático adaptativo com para-e-anda também estão incluídos.

Conheça o novo Chevrolet Trailblazer


O novo Chevrolet Trailblazer chega com mais tecnologia e comodidade, além do preço, já que irá custar 40.000 mil a menos que a SW4, seu motor é 2.8 turbodiesel, seu cambio é automático de seis marchas, e há um detalhe para os novos vidros do carro, que são mais espessos, para conter o ruído externo.

Suas rodas são aro 18 com acabamento diamantado, o veículo possui sete lugares, com uma terceira fileira de bancos, além de sua suspensão traseira e um preço no valor de R$ 159 mil.

Para realizar pedidos ou saber mais sobre a nova Trailblazer, acesse o site:

http://www.chevrolet.com.br/suvs/trailblazer.html

Reportagem: Ulisses Carvalho

Volvo XC60 Diesel chega ao Brasil por R$ 199.000


A Volvo iniciou a pré-venda do XC60 D5 no Brasil. O modelo será vendido com preço promocional de R$ 199 mil, até o dia 30 de julho. Depois disso, o valor sugerido sobe para R$ 215.950, segundo a fabricante.
Inédito no Brasil, o propulsor a diesel D5 desenvolve 220 cavalos de potência e vem aliado a tração nas 4 rodas (AWD), enquanto as demais versões a gasolina (T5 e T6) possuem tração dianteira.

Mesmo com o lançamento do XC90, já sobre uma nova plataforma mais tecnológica, o XC60 continua o modelo mais vendido da marca sueca no Brasil, com cerca de 65% dos emplacamentos de janeiro a julho.

O modelo chega para enfrentar rivais como Land Rover Discovery Sport e Range Rover Evoque também no segmento de SUVs de luxo movidos a diesel.

Jaguar Land Rover traz ao país o modelo mais luxuoso produzido na história da marca


O mercado brasileiro acaba de receber o mais luxuoso Land Rover já produzido na história da marca britânica. O Range Rover SVAutobiography Long Wheelbase com performance impressionante de 550 cv está disponível sob encomenda com preço de R$ 1.065.800,00.

A grade frontal traz acabamento em cinza e prata com desenho exclusivo para o modelo, o que acentua sua distinção. A distância alongada do entre-eixos e as rodas de aro 21 garantem uma vida a bordo confortável para todos os ocupantes. O sistema de suspensão pneumática com regulagem de altura garante que as imperfeições do piso praticamente não sejam sentidas.

O motor 5.0 V8 Supercharged foi recalibrado para oferecer 550 cv de potência e impressionante torque de 680 Nm. Aliado ao câmbio ZF de oito velocidades, o modelo é capaz de chegar aos 250 km/h de velocidade máxima e sair da imobilidade para os 100 km/h em apenas 5,5 segundos.

Sua carroceria é 100% em alumínio, mais rígida e extremamente leve, o que garante melhor desempenho, menor consumo de combustível e, por consequência, menores índices de emissões que suas demais versões.
A ampla capacidade para trafegar em qualquer tipo de terreno é garantida pela mais recente versão do sistema Terrain Response 2, que pode reconhecer automaticamente o tipo de terreno em que o Range Rover SVAutobiography trafega e adaptar todas as configurações de suspensão, aceleração, tração e acionar todos os diversos sistemas de segurança como freios e controle de torque de acordo com o terreno.

Interior de luxo
O interior do Range Rover SVAutobiography é totalmente focado em proporcionar luxo extremo aos ocupantes. O amplo uso do alumínio, madeira e do couro nobre está presente em cada detalhe que vai desde o acabamento de partes grandes como painel, portas, bancos e volante, até pequenas peças como a borda do botão Start/Stop e do seletor de marchas.

O assento traseiro único que acompanha a linha Range Rover foi substituído por dois bancos executivos individuais italianos da marca Poltrona Frau, que contam com ajustes elétricos e descanso para os pés. Assim como nos bancos dianteiros, os traseiros também são equipados com programas de massagem, aquecimento e resfriamento, revestimento em couro nobre de personalização com diversas cores de revestimento.

Entre os dois bancos, foi colocado um console central com um compartimento refrigerado. Mesas dobráveis com acabamento em couro ou madeira nobre e acionamento elétrico foram dispostas na parte de trás dos bancos dianteiros.

Tecnologicamente completo
O painel de instrumentos digital conta uma tela em TFT de alta resolução. Nela, desenhos do velocímetro, conta-giros, marcha selecionada, e diversas outras informações úteis são mostradas com ampla nitidez.

O modelo traz também o sistema Head Up Dislpay a laser, que projeta no pára-brisas informações como a velocidade atual e instruções de navegação do sistema GPS.

O volante multifuncional traz diversos comandos à mão do motorista como controle do sistema de som e piloto automático.

O Range Rover SVAutobiography é equipado com o sistema ACC – Adaptive Cruise Control que reduz automaticamente a velocidade quando os sensores colocados na parte dianteira do veículo identificam a presença de um outro automóvel mais lento à frente.
O veículo também conta com sistema de câmeras 360º, 10 opções de iluminação interna, soleiras iluminadas e luzes cortesia dispostas abaixo dos retrovisores.

Novo Porsche 718 Boxster chega com design moderno e nova motorização


A nova geração do Boxster acaba de desembarcar no mercado brasileiro. O novo modelo da Porsche foi rebatizado e passa a se chamar 718 Boxster, tendo como referência um carro de corrida que competiu pela empresa nas décadas de 1950 e 1960. Outras novidades ficam por conta da carroceria redesenhada, além do novo motor turbo de quatro cilindros nas versões convencional e “S”, abandonando as unidades de quatro e seis cilindros aspiradas. O esportivo chega com preços de R$ 368 mil para o 718 Boxster e R$ 466 mil para o 718 Boxster S.

A versão 718 Boxster é equipada com um motor 2.0 litros boxer turbo de quatro cilindros, que rende 300 cavalos de potência e 38,7 kgfm de torque, entre 1.950 e 4.500 rpm. Já o 718 Boxster S traz um propulsor 2.5 litros, que entrega 350 cv (35 cv a mais) e 42,8 kgm, entre 1.900 e 4.500 rpm.

Acoplado ao câmbio PDK de dupla embreagem e pacote Sport Chrono, o 718 consegue acelerar de 0 a 100 km/h em 4,7 segundos (0,8 s mais ágil que o antigo) e alcança velocidade máxima de 275 km/h. Já o S alcança os 100 km/h em 4,2 s (0,6 s a menos) e tem velocidade limitada a 285 km/h. Além da caixa automatizada, os esportivos dispõem de uma transmissão manual de seis marchas, sempre com tração traseira.

Os modelos receberam taxas de estabilização e amortecimento mais elevadas, nova barra para reforço do quadro auxiliar traseiro e aumento da rigidez transversal, amortecedores com maior diâmetro de pistão e cilindro, freios com discos de 330 mm na dianteira e 299 m na traseira e sistema Porsche Active Suspension Management (PASM), opcional, que rebaixa a carroceria em 20 mm e deixa a suspensão mais firme no modo Sport.

Esportividade marca o novo visual

No visual, o Porsche 718 Boxster segue a mesma linha do Boxster original, mas com formas mais modernas. A dianteira agora aparenta ser mais larga, graças aos novos faróis mais estreitos (bi xenônio com opção de LED), além de para-lamas redesenhados, portas sem os protetores do puxador, entradas de ar à frente do eixo traseiro, novas rodas de 19 polegadas (ou aro 20 como opcional), retrovisores redesenhados, novas lanternas traseiras de LED, entre outros.

O esportivo é equipado com uma capota de tecido, que pode ser aberta ou fechada em 9 segundos em velocidades de até 50 km/h.

Por dentro, o painel traz um novo desenho, com saídas de ar arredondadas, volante mais esportivo herdado do 918 Spyder (com botões e aquecimento) e uma nova central multimídia, que permite o espelhamento de smartphones. O Porsche dispõe de cinco novas cores internas e três opções de bancos.
Entre os equipamentos, o Porsche 718 Boxster oferece direção elétrica com assistência progressiva, faróis bi xenônio, ar-condicionado de duas zonas, sensor de estacionamento traseiro e de chuva, retrovisores com rebatimento elétrico, retrovisor interno eletrocrômico, bancos em couro com regulagens elétricas, sistema multimídia com navegador GPS, rodas aro 19 com pneus 235/40 na frente e 265/40 atrás, entre outros.

Já o 718 Boxster S se diferencia pelas rodas aro 20 (235/35 e 265/35), bancos com novos ajustes elétricos e sensor de estacionamento dianteiro.

Europa conhece o novo Renault Megane Sedan


A Europa acaba de conhecer o novo Renault Megane Sedan, modelo que ocupa o lugar do Fluence e retorna à família de médios da marca francesa. O sedã apresenta o mesmo estilo esportivo e carroceria volumosa em relação ao Fluence. A novidade será vendida apenas no velho continente e no Oriente Médio.

O Novo Megane Sedan tem 508 litros de espaço no porta-malas, além de maior espaço interno. O modelo surge com instrumentação análogo-digital com tela de 7 polegadas TFT e multimídia R-Link 2 com 8,7 polegadas.

Outros itens oferecidos são HUD, Park Assist, alerta de colisão e invasão de faixa, frenagem automática de emergência, aviso de ponto cego e abertura elétrica do porta-malas com o pé.

Na Europa, o Megane Sedan tem motores a gasolina 0.9 SCE de 115 cv com câmbio manual ou CVT, além de 1.2 TCe de 130 cv com opção manual de seis marchas ou EDC de sete marchas. Há três opções diesel: 1.5 dCi de 90 cv, 1.5 dCi de 110 cv e 1.6 dCi com 130 cv. Apenas a versão de 110 cv tem opção de câmbio EDC com seis marchas, as demais são manuais de seis velocidades.